Como Beijar de Língua – Dicas Incríveis para Arrasar na Hora

Beijar é muito bom e torna-se um hábito querer testar novos tipos de beijo de língua para adquirir experiência ou mesmo para inovar em um relacionamento. Para quem está iniciando ou mesmo para quem já é beijoqueiro de plantão, existem técnicas que levam uma pessoa a beijar melhor utilizando a língua.


Se quer uma dica boa antes de começarmos esta série de sugestões, crie ritmo e abuse da criatividade. Ah, e nada de vergonha viu? Vamos lá!

Como fazer para o beijo se tornar mais agradável

O beijo de língua parece bem simples, mas existem algumas técnicas que o fazem ser bem melhor.

Vamos juntos saber como um bom beijo funciona?

Sem pressa alguma, comece bem devagar e suave

Beije lentamente, como se você não estivesse com pressa nenhuma de acabar e o relógio tivesse parado ali mesmo.

É difícil controlar a ansiedade, em especial se você já esperava por esse momento há algum tempo, mas, respire fundo e mantenha o controle.

Pressão não é coisa só da Física, ela é necessária no beijo

Um legítimo beijo de língua precisa ter uma certa pressão entre os lábios, uma intensidade que revela o quanto está sendo bom aquele momento, em uma sincronia bem rítmica junto com a outra pessoa.

Atente-se que movimentos bruscos são ruins, mas também sem nenhuma pressãozinha também não é bom. Ache um meio-termo e beije bastante. 

Saiba usar a língua com equilíbrio

O beijo é de língua, mas ela está lá para atuar, e não ser total protagonista, ou seja, usá-la demais e não explorar outras áreas como tato, olhar, abraços, face, pode causar um beijo não tão quente.

Logo, uma sugestão bem legal é que você possa alternar movimentos circulares e intensos com língua e lábios, com leves mordidinhas em torno dos lábios. Saiba manter o clima, pois ele é seu guia e termômetro.

Use o tato para sentir as mãos e toque do seu parceiro ou parceira e explore áreas como pescoço, ombros, braços, tórax e costas. A pressão dos corpos um no outro também é muito favorável para sentir a energia oposta.

Use a criatividade

Em tudo a criatividade pode deixar uma situação ou momento bem mais prazeroso, e com o beijo de língua não seria tão diferente.

Alterne os tipos de beijo, língua, selinho, dentre tantos outros. Dê algumas pausas, pois elas são necessárias para um olhar dentro dos olhos da outra pessoa.

Assim é possível que vocês comecem e recomecem muitas vezes, deixando o momento divertido e bem intenso.

Veja também: Como saber se a mulher teve um orgasmo

Enfim…

Pois é, beijo de língua é bem complexo e exige naturalidade com habilidade.

Como ninguém nasceu sabendo de tudo, beijar na boca é mais um item a ser trabalhado com o tempo para que você seja uma pessoa que beije com bastante excelência.

Entregue-se ao momento sem timidez, afinal naturalidade e ousadia fazem parte do negócio.

Deixe seus olhos fechados, isso é fundamental para sentir a energia e o calor do momento, permita-se sentir o sentimento da outra pessoa também.

Cada pessoa tem um jeito muito pessoal de beijar de língua, por isso você deve se adaptar ao ritmo da outra pessoa, bem como a recíproca é verdadeira.

É como se vocês estivessem ajustando algo até aquele ajuste se tornar o melhor possível. Não existe receita pronta, mas o melhor ingrediente é de fato a naturalidade e a observação do que o beijo da outra pessoa te fala.

Estudos comprovam que quando o primeiro beijo não é bom, 59% dos homens e 66% das mulheres perdem o interesse logo de cara. Então capriche no beijo. Até o próximo artigo com mais dicas para você!