Como Fazer Uma Redação

Escrever bem é o maior desejo de muita gente, especialmente daquelas pessoas que precisam saber como fazer uma boa redação para conseguir a sonhada aprovação em algum concurso, ou para aquelas que veem no aprimoramento dessa capacidade a chance de melhorar a sua vida profissional.


O que acontece é que essa tarefa de fato não é das mais fáceis que se pode arranjar. Na verdade, a ideia de ser obrigado a escrever bem em algum momento é profundamente angustiante e tortuosa para a maioria dos indivíduos. Só se salvam aqueles que nasceram com jeito e com gosto para a coisa, mas esses são a minoria.

Se esse não é o seu caso, saiba que será necessária muita dedicação e esforço para fazer uma boa redação algum dia. Com estudo e treino é perfeitamente possível alcançar êxito nessa atividade, então se é sua vontade começar a escrever bem que tal começarmos agora? Veja seguir algumas indicações e dicas que podem te ajudar nessa missão! Vamos lá?

1 – Escreva sempre da forma mais simples que puder

Muita gente acha que para escrever bem é preciso constituir aquelas sentenças enormes, cheias de palavras de significado desconhecido, mas isso não é verdade. Escrever de forma mais rebuscada é para quem tem domínio da coisa, e também não é para qualquer leitor.

Para chegar a esse nível é preciso começar pelo básico, que não é assim tão complicado de fazer. Basta organizar as suas ideias e coloca-las em frases curtas, constituídas por palavras que você não só conheça, mas também entenda bem o que querem dizer, em qualquer contexto. A partir daí é só levar com leveza e naturalidade, sem se preocupar em mostrar mais do que se é, ou aparentar mais do que se pode!

2 – Opte pela clareza

A ideia de deixar coisas subentendidas e oculta pode parecer muito charmosa e atraente na maioria dos casos, mas isso não se aplica a escrita. Quem escreve quer que outras pessoas leiam seu texto, e não adianta ler e ficar na dúvida sobre o que aquele amontoado de palavras queria de fato dizer, né?

Portanto, se a sua intenção é fazer uma boa redação procure expressar as suas ideias e opiniões da forma mais entendível e clara possível. Nada de dar ao leitor a opção de interpretar, ou até mesmo de acreditar que ele já sabe aonde você quer leva-lo. Nessa relação você é o condutor, então busque sempre os caminhos mais iluminados.

3 – Busque comunicar com objetividade, sem rodeios

Quantidade nem sempre (quase nunca) é sinônimo de qualidade. Encher as linhas com pensamentos que já foram postos antes, ou ainda com metáforas ou exemplos não vai tornar seu texto mais interessante e influente, pelo contrário. O que importa é o valor do seu argumento e o peso dele, não sua capacidade de repeti-lo exaustivamente em mil esferas diferentes.

Escrever bem passa por ter essa consciência, já que estamos muito acostumados com a ideia de que quanto mais cheio o papel, melhor escrita foi feita. Isso é ilusão. Comunica-se bem quem expressa a maior quantidade de conteúdo possível, usando a menor quantidade de palavras.

4 – Unifique o seu texto com coerência

Fazer uma boa redação é caminhar por uma estrada, e essa estrada tem que te levar a algum lugar e tem que ser única. Confuso? Explico: muitas vezes um artigo é longo demais e o seu autor acaba se perdendo. Ele vai e volta nos temas e cita outros assuntos que não tem relação com a ideia. Além disso, o que era para ser conclusão vira um novo argumento e a parte argumentativa parece introdutória. Não há senso de unidade.

Isso prejudica a compreensão do que está escrito, além de cansar um bocado o leitor, que se sente perdido e naturalmente incomodado com a falta de lógica exposta! Coerência é primordial na hora de escrever bem, porque do contrário à sua mensagem não chegará nunca com o impacto esperado.

5 – Coloque ênfase em tudo que disser

A maioria da população mundial não gosta de ler, indiscutivelmente. É difícil encontrar gente que leia mais de 10 livros por ano, por exemplo, especialmente em países mais carentes, como o nosso. Isso significa que é bem provável que quem chegar ao seu texto não tenha a disciplina e a paciência que um bom leitor teria.

É possível que ele se canse e acabe deixando a leitura para lá, ou apenas continue lendo sem prestar atenção, e em todas essas hipóteses você já saiu perdendo. É necessário utilizar-se de palavras fortes, impactantes, que tenham muitos sentidos e prendam a sua atenção logo de cara. Assim ele se sentirá mais estimulado a continuar e vai absorver a sua ideia, mesmo que talvez não venha a compra-la!

Tendo tudo isso em mente escrever bem e fazer uma boa redação a partir de agora serão tarefas bem mais fáceis e prazerosas!