Síndrome de Asperger: Quais São as Características Desse Transtorno em Adultos

Diagnosticar a Síndrome de Asperger logo no seu inicio é algo muito importante, pois dessa forma você consegue detectar precocemente esta síndrome, para garantir o tratamento mais adequado.


Mas o que fazer quando essa síndrome não é diagnosticada na infância e a pessoa chega a fase adulta sem saber que sofre com esse tipo de problema?

Acredite, o diagnóstico da Síndrome de Asperger em pessoas adultas não é algo tão raro como se imagina, e isso acontece porque na maioria das vezes, os pais não conseguem identificar os sintomas desta síndrome na criança.

O problema é que a falta do diagnostico na infância acaba fazendo com que a Síndrome de Asperger evolua na fase adulta e acabe tomando proporções ainda maiores, comprometendo assim o dia a dia da pessoa.

Por isso se você deseja saber como identificar uma pessoa com Síndrome de Asperger, confira esse post na integra e veja quais são as características que uma pessoa que sofre dessa síndrome geralmente apresenta.

Principais sintomas da Síndrome de Asperger na fase adulta

sintomas-sindrome-de-asperger-01

A Síndrome de Asperger é um transtorno difícil de ser identificado na fase adulta, principalmente pelo fato dos seus sintomas muitas vezes serem confundidos com várias outras coisas.

Além disso, uma pessoa que apresenta esse tipo de transtorno possui características que não condizem com sua realidade, como o fato de apresentar uma inteligência dentro dos padrões normais, ter boa concentração e atenção no que faz, e por aí vai….

Agora, existem alguns sintomas que são bem característicos da Síndrome de Asperger como a dificuldade para entender regras por exemplo.

Além desta, existem outros sintomas  que também caracterizam esta síndrome tais como:

  • Ausência de contato visual durante as conversas, pois o fato de olhar para as pessoas acaba tirando a sua concentração;
  • Comportamento peculiar;
  • Obsessão por seus interesses;
  • Ausência de expressão facial durante as conversas, o que acaba transmitindo um ar de grosseria para as pessoas a sua volta;
  • Dificuldade para manter relações interpessoais;

Muitas vezes, a pessoa com Síndrome de Asperger também possui dificuldade para entender a linguagem corporal, apresenta falta de coordenação motora, e por vezes se sente confusa com as normas impostas pela sociedade.

Além disso, uma outra característica bastante comum em pessoas que sofrem com esse tipo de transtorno é o de manter comportamentos repetitivos como sempre vestir a roupa seguindo uma mesma sequencia por exemplo.

Veja também: Como superar a ansiedade

A intolerância a elementos que despertam de forma exagerada os seus sentidos como ruídos fortes, luzes brilhantes demais ou odores incômodos, também é um sintoma da Síndrome de Asperger.

O que fazer para lidar com a Síndrome de Asperger?

tratamento-sindrome-de-asperger

Como pode notar, são inúmeros os sintomas que caracterizam uma pessoa com Síndrome de Asperger.

Mas também é possível perceber que a maioria delas sempre acaba se assemelhando a outros fatores não relacionados a este transtorno.

É justamente essa falta de ligação direta entre o sintoma e a doença que dificulta muitas vezes o diagnostico deste transtorno, tanto na infância, quanto na fase adulta.

Diante disso, o que você pode fazer para lidar com os indivíduos que sofrem com esse tipo de transtorno é entender primeiramente que cada pessoa tem suas próprias características e que nem sempre dois indivíduos com Síndrome de Asperger irão apresentar o mesmo perfil.

Portanto, procure reconhecer os principais traços, ou seja, os que possuem maior destaque em relação a essa síndrome, para que possa identifica-la a tempo e com isso ir em busca de um especialista para determinar o tratamento mais adequado.

Agora que já sabe quais são as principais características da Síndrome de Asperger, o que achou desse tipo de transtorno? Já conheceu alguém que possuía essas características? Deixe o seu comentário e compartilhe conosco a sua opinião!