Qual a Melhor Pomada para Candidíase

Uma infecção causada por candidíase pode ser tratada por medicamentos e também pelo uso de pomada para candidíase. Mas você sabe qual a pomada ideal para usar?


Se a resposta for não, então nesse post você vai saber quais são as pomadas para candidíase mais adequadas para usar e como usa-las do jeito certo.

Pomada para candidíase: Qual é a melhor?

A pomada para candidíase que realmente funciona é a que apresenta uma substancia antifúngica conhecida como miconazol. Contudo, essas pomadas só podem ser utilizadas com prescrição médica. Como exemplos de pomada para candidíase que possuem o miconazol temos a Nistatina e a Candicort.

As pomadas antifúngicas são as mais recomendadas para curar a candidíase, pois elas promovem um reequilíbrio dos micro-organismos que normalmente habitam o nosso corpo, sem gerar prejuízos para a saúde, que é o mais importante nesse caso.

Mas além das pomadas para candidíase citadas acima, também existem várias outras no mercado que tem se mostrado bastante eficazes com relação a cura desta doença. São elas:

  • Clotrimazol 1%;
  • Nitrato de Miconazol 2%;
  • Clotrimazol 2%;
  • Terconazol 0,8%.

A pomada para candidíase deve ser aplicada por toda a região externa e interna afetada por esta doença, sendo que é necessário fazer uso da pomada mesmo após os sintomas da candidíase terem desaparecido por completo antes do prazo previsto.

Vale ressaltar que a pomada para candidíase deve ser prescrita pelo médico, pois somente este profissional é capaz de lhe passar todas as recomendações de uso necessárias para que o tratamento seja realizado com sucesso.

Leia também: Candidíase: Como saber se estou com essa doença.

Como utilizar as pomadas para candidíase

aplicar-pomada-para-candidiase

Geralmente a pomada para candidíase pode vir com e sem aplicador. Nesse caso é importante que você saiba a maneira certa de aplicar a pomada em cada uma destas situações.

Pomada sem aplicador

Esse tipo de pomada é mais indicado para uso na região externa da vagina no caso das mulheres, e do pênis no caso dos homens.

Para aplicar corretamente a pomada para candidíase sem aplicador você deve lavar e secar as mãos com cuidado, fazendo o mesmo procedimento com a região intima para eliminar os resíduos que estão se soltando da pele ou a pomada que foi aplicada anteriormente.

Em seguida procure aplicar uma pequena porção de pomada na região externa e deixe ela agir por cerca de 4 a 6 horas. Depois é só repetir o procedimento até que a candidíase tenha curado por completo.

Pomada com aplicador

Nesse caso, somente as mulheres podem fazer uso desse tipo de pomada para candidíase.

Para aplicar a pomada com aplicador, você deve lavar e secar as mãos, bem como a região intima para eliminar os resíduos que estão se soltando da pele ou a pomada que foi aplicada anteriormente.

Em seguida, abra a embalagem da pomada, acople o aplicador e depois puxe o conteúdo da bisnaga para o interior do aplicador até que ele fique cheio.

Depois de ter feito isso, desacople a pomada e introduza o aplicador no interior da vagina, procurando ir o mais profundo possível para que a pomada, ao ser retirada do aplicador, atue nas partes mais internas da vagina.

Após ter aplicado a pomada com o auxilio do aplicador, lave-o com água e sabão de modo que o mesmo fique sem nenhum resíduo da pomada e pronto para uso em uma próxima aplicação.

Portanto, agora que já sabe qual é a pomada para candidíase que funciona e como usa-la corretamente, marque uma consulta com um médico especialista no assunto e busque pelo tratamento mais adequado para se livrar de vez desse problema.